#ToTheMoon

29 outubro 2017

Aula 2.2: Um mar de variáveis #LTCode

Este artigo faz parte do projeto #LTCode

Parabéns por continuar conosco, hoje aprofundaremos em variáveis! Como já sabem variáveis são espaços que separamos na memória para armazenamos coisas... portanto é importante saber algumas informações.


Por exemplo se você deseja saber a quantidade em bytes de espaço utilizado por um inteiro quando compilar,  pois seu tamanho em bytes varia conforme arquitetura da máquina entre 2 ou 4 bytes, basta utilizar um operador chamado sizeof. Este operador também serve para você descobrir o tamanho dos outros tipos de variáveis.




Sabendo disso, podemos definir o tamanho de uma variável. Para definirmos um inteiro com 2 bytes (tamanho mínimo variando entre -32768 e 32767) utilizamos o pré-fixo short e para um inteiro com 4 bytes (tamanho máximo variando entre -2147483648 e 2147483647) utilizamos o pré-fixo long. Confira abaixo:


Vale salientar que ao declarar uma variável como short ou long, quando você for ler ou escrever na tela utilizando essas variáveis, é recomendado que utilizar um prefixo na frente do %d. Sendo h para short e l para long. Confira:


É possível fazer com que uma variável contenha valores apenas positivos, para isso basta utilizar o prefixo unsigned, já o prefixo signed que permite que a variável contenha valores tanto positivo como negativos não é necessário uma vez que por padrão todos inteiros são signed. Para utilizar unsigned basta declarar como:

 unsigned int
 unsigned short int
 unsigned long int 

Vocês certamente estão lembrados da aula 2.0 de que o caractere \n permite quebrar linha, uma vez que o caractere \ transforma o caractere seguinte em algo especial. Sendo assim confira alguns caracteres especiais:


\7 efeito sonoro em seu computador

\a efeito sonoro em seu computador
\\ forma de representar o caractere \
\' forma de representar o caractere '
\" forma de representar o caractere "
\? forma de representar o caractere ?

É possível ler um caractere sem utilizar a função scanf, no lugar usaríamos a função getchar() - o que é aconselhável para evitar alguns bugs no momento da leitura do caractere digitado.  


Para finalizar, confira algumas informações relevantes sobre os formato de leitura e escrita: tipo - formato - informação


char - %c - (um caractere)
int - %d ou %i - (um inteiro, base decimal)
int - %o - (um inteiro na base octal)
int - %x ou %X - (um inteiro, base hexadecimal)
unsigned short int - %hu - (short inteiro positivo)
unsigned int - %u - (inteiro positivo)
unsigned long int - %lu - (long inteiro positivo)
float - %f ou  %e ou %E
double - %f ou %e ou %E

>> Próxima aula, clique aqui.



~ Dica: Aulas de programação grátis >>clicando aqui<<

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...








Please Donate To Bitcoin Address: [[address]]





Donation of [[value]] BTC Received. Thank You.


[[error]]