25 março 2017

Em nosso primeiro artigo da série "Moedas do futuro", você descobriu o que é Bitcoin. Se ainda não leu, clique aqui e leia antes de continuar.


Provavelmente já está querendo ter suas moedinhas né? Uma forma de conseguir elas é minerando, detalhe no dia em que escrevi o primeiro artigo o 1 bitcoin valia cerca de 772 dólares, hoje no momento em que escrevo este artigo (não o dia em que foi publicado) ele vale cerca de 1277! O valor do bitcoin obedece simplesmente a lei da oferta e procura, caso esteja interessado em saber o valor de 1 bitcoin exatamente agora, clique aqui e confira.


Não pretendo entrar em detalhes técnicos do processo de mineração neste segundo artigo, pois acredito que muitos caíram aqui apenas para aprender a minerar de uma forma simples e rápida, então darei uma introdução rápida e passarei para o processo de como minerar. Em um artigo futuro (colocarei link aqui em breve) descreverei como funciona todo o processo.


Bom, bitcoin só tem valor pois é uma moeda finita, igual ouro que é finito e sua extração custa muito dinheiro, assim como a mineração do bitcoin custa poder de processamento do seu computador. Também quanto mais pessoas se juntam na rede para minerar fica mais difícil ter lucro, pois o número de novos bitcoins criados a cada ano é automaticamente reduzido pela metade com o passar do tempo até que a emissão seja completamente suspensa com um total de 21 milhões de bitcoins existentes.


Hoje em dia com nossos meros computadores e energia elétrica cara, não compensa minerar bitcoins devido ao seu nível de dificuldade elevado. Por isso é melhor minerar altcoins, que são moedas parecidas com bitcoin que estão entrando no mercado (ou não) e são fáceis e rápido de minerar. Por exemplo você está minerando uma altcoin X e conseguiu valores altos, com o passar do tempo se ela valorizar você terá uma boa margem de lucro quando trocar por bitcoin, mas também pode acontecer da moeda quebrar... por isso é bom conhecer as moedas que pretende minerar, assim como a comunidade e desenvolvedores dela.


Vamos ao que interessa, no vídeo abaixo é explicado como utilizar o software Minergate para minerar, escolhi ele por já estar familiarizado e permitir a mineração de várias moedas.
Clicando na imagem abaixo você é redirecionado ao site para se cadastrar e baixar o programa.


Fonte: https://bitcoin.org/pt_BR/faq 

19 março 2017

Este artigo faz parte do projeto #LTCode

Resolução do #Desafio_6:

Algoritmo "triangulo"
Var
L1, L2, L3 : Inteiro
Inicio
Escreval ("Este programa mostra se os valores inseridos são de um triângulo equilátero")
Escreva  ("Digite o valor do primeiro lado: ")
Leia     (L1)
Escreva  ("Digite o valor do segundo lado: ")
Leia     (L2)
Escreva  ("Digite o valor do terceiro lado: ")
Leia     (L3)
Resultado <- (L1 = L2) e (L2 = L3) //Sendo L1 = L2 então não precisamos fazer L1 = L3
Escreva  ("O resultado para este triangulo equilátero é: ",Resultado)
Fimalgoritmo

Hoje vamos aprender a construir uma estrutura de decisão no visualg utilizando "Se Simples".

Em algum momento do seu código talvez você terá que tomar uma decisão, assim devemos utilizar as estrutura de decisão. Vamos então utilizar a estrutura "Se", "Entao" e "Senao" confira um exemplo abaixo:

Faça um algoritmo que imprima na tela SE o número for maior que 50:
O que estiver de laranja é nossos comentários

Var
// Seção de Declarações das variáveis 
N, resultado: real

Inicio
// Seção de Comandos
Escreval ("Este programa imprime na tela se o número for maior que 50")
Escreva  ("Digite um numero: ")
leia     (N)
Se (N>50) entao // aqui SE a condição (N>50) for verdadeira ENTAO ...

Escreval ("O número", N, " é maior que 50"// ... irá imprimir N
fimse // aqui indicamos o fim da estrutura de decisão

Fimalgoritmo


Caso você escreva o código em seu visualg e executar ele, vai notar que se o número for maior que 50 vai aparecer o número na tela e caso não for maior, então o programa vai encerrar ali mesmo. A estrutura apresentada acima é chamada de "Se simples" pois existe apenas uma opção e caso essa opção não seja verdadeira então o programa termina. 

Vamos melhorar seu programa utilizando "Se composto", com ele se a condição não for verdadeira ele vai retornar algo. Confira:

Var
// Seção de Declarações das variáveis 
N, resultado: real

Inicio
// Seção de Comandos
Escreval ("Este programa imprime na tela se o número for maior que 50, se não ele retorna uma mensagem")
Escreva  ("Digite um numero: ")
leia     (N)
Se (N>50entao

Escreval ("O número", N, " é maior que 50")
Senao // caso a condição anterior seja falsa...
Escreval ("O número", N, " é menor ou igual a 50") //irá retornar essa mensagem
fimse
Fimalgoritmo

É isso, SE tiver entendido ENTAO parabéns SENAO leia a aula novamente, fimse.

#Desafio_7: Elabore um algoritmo que lê uma nota e indique a situação do aluno. Se a nota obtida for de 7 a 10 o aluno estará aprovado, se for de 4 a 6.9 o aluno estará de recuperação e menor que 4 o aluno foi reprovado.

Use sua lógica e comente abaixo como ficou seu pseudocódigo, na próxima aula você poderá comparar a solução.

>> Próxima aula, 
clique aqui (em breve) 

18 março 2017


No vídeo abaixo é demonstrado como utilizar a suite aircrack no Linux para descobrir o nome (SSID) de redes wifi que estão ocultos. 

Caso queria fazer o mesmo no Android, basta instalar o app WiFi Analyzer Lite (clique aqui para baixar na PlayStore), na primeira tela do aplicativo vai ser listado todas as redes wifi da região incluindo as que estão com nome oculto.



tags: wifi, hidden, oculto, rede, ssid, bssid, tutorial, how to find, scan, scanner, escondido, hack

12 março 2017


Este artigo faz parte do projeto #LTCode

Os operadores relacionais criam relações entre variáveis ou expressões, ou seja, você comparará variáveis, valores ou expressões para gerar resultados lógicos, ou seja operadores lógicos (verdadeiro ou falso).

Logo, os operadores relacionais são:
  • > maior que
  • < menor que
  • >= maior ou igual a
  • <= menor ou igual a
  • = igual a
  • <> diferente de
Usando os operadores relacionais você obtém resultados lógicos, confira este exemplo:

Algoritmo "teste"

Var
// Seção de Declarações das variáveis
a, b, c: Inteiro

Inicio
// Seção de Comandos
a <- 2 
// aqui colocamos o valor para A sem pedir ao usuário
b <- 3 // aqui também...
c <- 4 // e aqui também.
Escreva (2<>c) //aqui foi comparado se 2 é diferente do valor de C

Fimalgoritmo

Ao executar o algoritmo acima, a resposta será: VERDADEIRO, ou seja, 2 é diferente da variável 'c' que recebeu valor de 4.

Recomendo estudarem sobre tabela verdade para entender melhor sobre os operadores lógicos. Mas, basicamente precisamos entender o funcionamento do operador "and" (e), "or" (ou) e "not" (não). Confira a tabela abaixo, sendo V para verdadeiro e F para falso.



No operador "e", o resultado somente será verdadeiro se A e B forem verdadeiros. Enquanto que no operador "ou", o resultado somente será falso se A ou B forem falsos. E por fim, o operador "não" é o oposto. A ordem de procedência é: e, ou, não.

Confira o algoritmo abaixo:

Algoritmo "teste"

Var
// Seção de Declarações das variáveis
a, b, c: Inteiro

Inicio
// Seção de Comandos
a <- 2

b <- 3
c <- 4
Escreva (nao(((a = b) e (b = c)) ou (a <> b)))

Fimalgoritmo

O resultado do algoritmo será FALSO. Bom, vamos resolver manualmente de dentro para fora:

(nao(((a = b) e (b = c)) ou (a <> b))) //Primeiro comparamos a com b
(a <> b) é VERDADEIRO
(nao(((a = b) e (b = c)) ou (VERDADEIRO))) //Agora comparamos  b com c
(b = c) é FALSO
(nao(((a = b) e (FALSO)) ou (VERDADEIRO))) //Aqui comparamos a com b
(a = b) é FALSO
(nao(((FALSO) e (FALSO)) ou (VERDADEIRO))) //Resultado final das comparações

Agora precisamos seguir a ordem de procedência dos operadores lógicos
(nao(((FALSO) e (FALSO)) ou (VERDADEIRO))) //aqui comparamos: falso E falso
(nao((FALSO) ou (VERDADEIRO))) //aqui comparamos: falso OU verdadeiro
(nao(VERDADEIRO)) //O inverso de VERDADEIRO é o resultado final
FALSO //Resultado final dado pelo seu algoritmo.

Na aula 1.5 vocês viram sobre os operadores aritméticos, gostaria de frisar que a ordem de procedência juntando eles com esses aprendido hoje na execução de um algoritmo é: aritméticos, relacionais e lógicos.

#Desafio_6: Faça um algoritmo que retorne o resultado VERDADEIRO ou FALSO para os lados de um triângulo qualquer que o usuário digitar, para este usuário saber se ele é equilátero (todos os lados iguais).

>> Próxima aula, clique aqui (em breve) 

08 março 2017


Alguns canais do YouTube arrumaram uma forma de fraudar o número de visualizações de seus vídeos.

O método consiste em colocar um vídeo não listado em uma página da internet, por exemplo um site com vídeos de anime ou outro que dê bastante acesso. Para quem ia assistir o anime não perceber que estava executando um vídeo do YouTube, este vídeo ficava sobre uma camada transparente que quando alguém clicava para assistir o anime na verdade clicava para executar o vídeo do YouTube que iniciava no mudo (clicando aqui você confere um código para executar vídeos no mudo em um site).


No vídeo abaixo um usuário do YouTube, aparentemente associado a ideia Anonymous, revelou a fraude para a comunidade:

06 março 2017

Facebook falso gif

Tem um novo vírus se propagando pelos usuários mobile do Facebook. O vírus circula pela propagação de compartilhamento de uma imagem que aparenta ser um gif mas na verdade redireciona para o seguinte site xici.fit, que se aberto no computador você verá apenas uma imagem estática, mas se for detectado que o usuário está usando um dispositivo mobile, o site redireciona o usuário a outros sites relacionados a phishing. Confira os prints abaixo e alerte seus amigos:



Quando essa página abriu, meu celular ficou emitindo um som irritante

Nossa equipe recomenda a não abrir o site, manter seu dispositivo atualizado e tomar cuidado para não cair em phishing. Caso tenha aberto o site, confira em seu registro de atividades se seu Facebook foi afetado: https://www.facebook.com/seu nome de usuário/allactivity

03 março 2017

FotoJet é um aplicativo em que você pode acessar por qualquer navegador e editar suas fotos sem necessidade de fazer download de programas.

No site você encontra 3 opções: criar um design, fazer uma colagem e editar foto.


fotojet criação de design

Em 'create a design' (criar um design) uma página nova abrirá, nela será necessário ativar o Adobe Flash Player caso solicite. Lá é possível selecionar o tipo de design que você deseja criar: poster, flyer, convite, cartão, capa de Youtube, capa de Facebook, capa Google+, thumbnail para Youtube, cabeçalho para Twitter, banner para Tumblr, cabeçalho para email, imagem para post em Facebook, Instagram e Pinterest, além de imagem para anúncio no Facebook.

Para demonstrar a ferramenta, escolhi em fazer uma capa para nosso canal no Youtube, isso é excelente pois já vem configurado no tamanho exato aceito pelo Youtube. No canto esquerdo é possível selecionar um template para facilitar na edição da imagem e no canto direito é possível adicionar fotos que serão utilizadas no template. Ainda no canto esquerdo tem mais opções para editar sua imagem. Confira nosso resultado:

Depois é só salvar sua imagem, escolhendo o formato e a qualidade:

Confira como ficou a imagem em nosso canal no YouTube (eu resolvi mudar a cor e outras coisinhas):


Em collage é possível fazer várias montagens simples, excelente para criar convites e até historinhas em quadrinho confira alguns templates:

E por fim em edit, é possível editar fotos igual você faz em programas famosos tipo Photoscape.

Resumindo o site é excelente. É possível utilizar pagando ou usar sua versão grátis. A única diferença entre as duas versões é que a grátis  não é possível customizar o tamanho de uma imagem e salvar como projeto, além de claro ter anúncios e não ter prioridade no suporte técnico caso precisar. Se gostou, clique aqui para acessar o site.

23 fevereiro 2017


Nesta última quarta-feira (22), foi implementado uma atualização no sistema de segurança da Google para tornar as contas de seus usuários mais segura.

Por conta disso, alguns usuários notaram alguns problemas como ilustra a imagem acima com a seguinte mensagem: "Houve uma alteração na sua conta do Google. para sua segurança, faça login novamente". 

Bom, aparentemente isso foi apenas um bug em decorrência da atualização global. Recomendo ir nas configurações de segurança da sua conta (clique aqui) e conferir se está tudo ok. Caso desconfie de algo, altere sua senha.

13 fevereiro 2017

Fonte imagem https://www.tecmundo.com.br/whatsapp/114123-whatsapp-tem-verificacao-duas-etapas-celular-veja-ativar.htm

Ativar a verificação em duas etapas no WhatsApp permite aumentar sua segurança na utilização do aplicativo uma vez que se alguém desejar utilizar seu número para se cadastrar será necessário além da confirmação do número, digitar um código de acesso de 6 dígitos configurados previamente ou utilizar um email que você configurou para recuperar o código caso esqueça ele.

Essa funcionalidade está disponível para as versões mais recentes do aplicativo, basta acessar as "configurações" > "conta" > "Verificação em duas etapas" > insira um código de 6 dígitos e em seguida um email. 

Isso evita que se alguém clonar seu chip tenha acesso ao seu WhatsApp. Mesmo assim este método não evita outros tipos de ataques como a clonagem dos dados do app, ataques a versão web do aplicativo ou mesmo a captura do banco de dados e a chave ou clonagem da memória.

12 fevereiro 2017

Este artigo faz parte do projeto #LTCode
*Aula atualizada em 11/03/17.
Antes de começar, confira a resolução do #Desafio_5:
Dúvidas? Comente abaixo.

Agora vamos fazer exercício para ver se você entendeu todo o processo! Escreva um programa que converta ºC para ºF.  Para ajudar deixarei a fórmula de conversão: F=(C*9+160)/5 . Recomendo fazer todos os passos aprendidos para não ficar perdido.


Fez? Lá vem a solução abaixo:

Vamos aprender agora sobre tipos de variáveis, constantes e operadores. 


Tipos de variáveis: uma variável pode assumir um dos seguintes tipos abaixo.

  • Tipo real: utilizada para armazenar valores numéricos reais (conjunto dos números reais), números com pontos. Ex.: valor_da_compra : Real
  • Tipo inteiro: utilizada para armazenar valores inteiros, positivos ou negativos. Ex.: numero_de_filhos : Inteiro
  • Tipo caractere: define variáveis do tipo string, ou seja, cadeia de caracteres. Ex.: nome : Caractere
  • Tipo logico: armazenar valores lógicos, ou seja, assume valor de VERDADEIRO ou FALSO. Ex.:cadastro_novo : logico
Constantes: os valores das variáveis podem ser alterado ao longo do seu algoritmo, então para armazenar valores que não se alteram utilizamos as constantes. Exemplo:


Algoritmo "somardoisnumerosemultiplicar"
// Data:
// Autor:
// Função:
// Seção de Declaração:
const 
valor = 5
Var
// Seção de Declarações das variáveis 
n1, n2, resul: real

Inicio
// Seção de Comandos
Escreval ("Este programa soma dois números e multiplica por 5")
Escreva  ("digite um numero: ")
leia     (n1)
Escreva ("digite outro numero: ")
leia     (n2)
resul <- (n1+n2)*valor
Escreval ("o resultado foi", resul)

Fimalgoritmo

Caso o algoritmo não precise de constantes, a seção "const" não deve existir.

Operadores aritméticos: são símbolos que representam operações matemática. Confira abaixo quais são os símbolos em ordem de procedência:

() Parênteses
^ Exponenciação * Multiplicação
/ Divisão (este operador opera somente com valores reais)
% Resto da divisão inteira
+ Adição
- Subtração

Funções Aritméticas:
Abs() - valor absoluto 
Exp() - exponenciação
Int() - valor inteiro
RaizQ() - raiz quadrada
Pi() - retorna pi
Sen() - seno (rad)
Cos() - cosseno (rad)
Tan() - tangente (rad)
GraupRad() - Graus para radianos

Espero que fique claro também que utiliza-se somente parênteses ( ), pois não há não há colchetes [ ] ou chaves { }. Sendo assim, primeiro se resolve as expressões contidas nos parênteses mais internos, seguindo a ordem de precedência entre operadores, passando depois para os parênteses mais externos.

É isso, recomendo revisar esta aula novamente e brincar com o visualg, pois hoje não tem desafio, relaxa na próxima aula terá.

>> Próxima aula, clique aqui (em breve)

09 fevereiro 2017


No vídeo abaixo é demonstrado como é possível fazer recuperação de dados (chats, imagens e conversas) deletadas do aplicativo WhatsApp.


Todo o processo só é possível fazendo uma clonagem da memória, seja do computador ou smartphone, e posteriormente fazer uma análise em busca destes dados que não estarão criptografados pois estavam na memória!

Os programas utilizados no vídeo foram:
  • DumpIt para realizar a clonagem da memória
  • WinHex para abrir e analisar o arquivo gerado pelo DumpIt
No vídeo foi feita a clonagem da memória após a utilização do WhatsApp Web, assim foi possível capturar as mensagens enviadas, além de identificar número de telefone de usuários e administradores dos grupos que o usuário estava participando.

Fonte: José Milagre

recovery data, hacked, tutorial, numbers, admin, clone,