23 agosto 2016


A Trainer Ball consiste num controle remoto em forma de pokebola, para ser usada basta estar próximo ao pokémon que deseja capturar e, usando a câmera do smartphone para ver o monstrinho, é somente acertar a pokebola e captura-lo.


O novo acessório é um projeto da Kickstarter e promete ser de grande ajuda para os treinadores pokémon, além de dar mais emoção para o jogo.


Como funciona a Trainer Ball

A pokebola da Kickstarter funciona em conjunto com o aplicativo Pokémon GO, sendo utilizada a câmera do smartphone para visualizar o bichinho enquanto se arremessa a pokebola real no local onde ele está. Com a Trainer Ball ainda é possível capturar os pokémon sem precisar lançar a esfera, bastando movimentá-la na direção do pokémon, o que é legal para o caso de encontrar algum monstrinho num local onde não é possível lançar a pokebola.

Esse projeto ainda está em fase de desenvolvimento e, para que dê certo, a Kickstarter precisa arrecadar U$ 25.000,00 (vinte e cinto mil dólares) para que os planos saiam do papel, fora que eles ainda precisam obter um licenciamento para iniciar o desenvolvimento das pokebolas.


Mais carga para seu smartphone

Segundo o site da Kickstarter, a Trainer Ball virá acompanhada de um carregador de bateria, o que é de grande ajuda para aquelas horas em que o smartphone começa a acusar bateria baixa quando se está fora de casa, especialmente na hora em que se está jogando Pokémon GO, que costuma consumir muita bateria do smartphone.

A Trainer Ball virá disponível em três versões: uma de 2.600mAh, outra de 4.400mhA e mais uma de 6.600mAh.


Design da Trainer Ball

O visual do acessório, ao que parece, deverá ficar como o de uma pokebola, mas o protótipo apresentado não faz muito jus à ela.
Sua construção contém um revestimento em borracha, o que auxilia para que a pokebola não escorregue da mão do treinador.

Mas ainda há muito o que se fazer, e é bem provável que o design mudo na parte de finalização do projeto (caso o objetivo seja alcançado). Esse acessório tem o objetivo de deixar o Pokémon GO mais dinâmico, ao mesmo tempo em que ajuda os treinadores na hora de capturar os pokémon.


Para finalizar...

O projeto para a criação da Trainer Ball terá até o dia 29 do mês de setembro para arrecadar o valor necessário, caso contrário ele, provavelmente, deverá ser engavetado.

Se quiser conferir mais sobre a Trainer Ball e o seu projeto, basta cessar o site da arrecadação: Kickstarter


Artigo produzido pelo parceiro do blog Smartphones Tops

16 agosto 2016


No tutorial em vídeo abaixo, é demonstrado como ter acesso a qualquer Android remotamente e como assinar o apk para evitar o error de "aplicação não instalada":


Link download Sign Apk: https://mega.nz/ clique aqui para baixar

09 agosto 2016


Um hacker do ihackedit.com criou uma mod do jogo Pokemon GO para que ele rode nas versões inferiores ao Android 4.4, ou seja rode o jogue no Android 4.0 ou versões superiores e não precisa de ROOT!

Para baixar acesse: http://ihackedit.com/pokemon-go-apk/

Desça até a parte em que está escrito, atente para o 4.0+.
Pokémon GO v0.33.0 Mod APK (4.0+/No Root) 
 Lá vai ter vários links para download, clicando em um dos Mirrors uma nova guia irá abrir, clique em "Continue To Download" e então na página seguinte faça download do jogo, preste atenção pois esses sites tem muitos anúncios o que dificulta achar onde clicar para baixar.

Se preferir, pode baixar a versão v0.33.0 direto clicando aqui e em seguida em "Free Download".

*Faça por sua conta e risco, baixar apps não oficiais tem seus riscos.

03 agosto 2016



Finalmente, na tarde de hoje (3) a desenvolvedora responsável pelo game Pokémon GO postou no twitter:




Trabalhando arduamente para lançar o Pokémon GO no Brasil. Fique ligado...
 Segundo informado pela assessoria de imprensa do game ao portal UOL Jogos, o jogo vai ser lançado hoje 03/08, mas ainda não temos um horário previsto. Confira o print do e-mail:


O jogo está disponível para Android e iOS. Caso deseja rodar no computador, você pode seguir um tutorial clicando aqui (não será necessário usar VPN a partir do momento que o jogo for lançado).

*Atualizado: finalmente o jogo foi lançado!

24 julho 2016


Este artigo tem o propósito apenas de compartilhar conhecimentos - não nos responsabilizamos pelos seus atos ou de nossos leitores.

Para se extrair legendas do site DramaFever, basta acessar o site e abrir a página de alguma Kdrama que deseja. Então selecione o episódio, ao selecionar um episódio para assistir, a url do site terá as seguintes informações:

https://www.dramafever.com/pt/drama/ID/EP/NOME/

ID = o número de identificação do programa/kdrama 
EP = o número do episódio
NOME = nome do programa/kdrama

Com essas informações copie o ID e EP.

Se você quer aprender passo a passo como conseguir o arquivo da legenda continue lendo a partir da aqui. Caso queria apenas substituir a ID e EP e pegar a legenda, pule para a outra parte em verde do texto (lá embaixo). Ou se preferir ser mais rápido ainda, basta utilizar o site http://downsub.com/ colando a url do episódio que deseja fazer download.

Substituindo na url abaixo:


https://www.dramafever.com/pt/drama/ID/EP/subtitles/

Então abra esta url no seu navegador, quando abrir aparecerá a legenda! Agora você precisa salvar ela em seu computador, para isto é necessário desativar o javascript do navegador, pois o site tenta impedir você de copiar ou salvar.

No Chrome acesse a página de configurações (chrome://settings/), clique então em "Mostrar configurações avançadas...", em "Privacidade" clique em "Configurações de conteúdo..." e então em "JavaScript" marque a caixa "Não permitir que nenhum site executa o JavaScript (recomendado)" - feito isto aperte "Concluído" e volte ao https://www.dramafever.com/pt/drama/ID/EP/subtitles dando um F5. 

Agora a página não terá mais a legenda, clique com o botão direito nela e selecione "Inspecionar" ou "Ctrl + Shift + I", feito isto volte ao "JavaScript" e ative ele, depois de ativado apenas dê um F5 na página mantendo o "Inspecionar" que abriu!

Pronto, agora clique na aba "Network" (como ilustra a imagem acima), nela procure por algum link que termine em .xml, por exemplo ID_EP_pt.xml, clicando nele vai aparecer do lado direito na aba "Headers" o link para a página que contém um arquivo XML. "Request URL:https://www.dramafever.com/st/subtitle/ID_EP_pt.xml"

Com o site https://www.dramafever.com/st/subtitle/ID_EP_pt.xml aberto, basta clicar com o botão direito sobre está página e selecionar "Salvar como", depois de salvar abre o arquivo com um editor de legendas que aceite este formato. 

Por exemplo, no Subtitle Edit 3.4.13 abre o arquivo .xml e então salve ele como "SubRip" que é .srt ou outro formato se desejar.


Também se interessar, temos um tutorial em vídeo mostrando como fazer timing rápido em vídeos hardsub, confira:
Tags: subtitles, tutorial, extract, copy, subtitulos, sincronizar, torrent, download

21 julho 2016



Depois que vi uma função nativa interessante no Opera resolvi escrever este artigo.

Sabe quando você quer "assistir" um vídeo e ao mesmo tempo fazer outras tarefas? Então, normalmente você colocaria o vídeo em um canto da tela e a tarefa em outra correto? Mas isso as vezes é chato, por exemplo uma aba do Youtube no canto esquerdo e outra aba do Facebook no canto direito.. muitas vezes o site não é responsivo (adapta-se a tela) e então é chato ficar mexendo a barra lateral.

Enfim, o navegador Opera trouxe uma novidade muito legal (não estou fazendo propaganda), como ilustra a imagem acima. Basta clicar no ícone "adicional" (em cima do vídeo) e então o vídeo abrirá em uma outra janela que ficará sobre todas as janelas abertas ou seja ela não será minimizada, mas você pode redimensionar e mover ela para qualquer canto da tela, excelente! Essa função funciona até com vídeos do Facebook.


Você pode baixar o navegador Opera clicando aqui.

Ontem 20 (de julho), o Governo dos Estados Unidos anunciou a prisão do dono do KickassTorrents (KAT) que chegou recentemente a ser a maior fonte de download via torrent do mundo (isso mesmo, passando o querido The Pirate Bay).

Artem Vaulin, ucraniano de 30 anos,  foi preso na Polónia, de onde os Estados Unidos solicitaram a sua extradição. 

Segundo o portal de notícias Torrent Freak, ele estava sendo investigado a um tempo já, graças a uma denúncia que apontou que ele usava uma conta bancária associada ao site. Ainda segundo o portal, a Apple teria fornecido as autoridades detalhes pessoais de Vaulin e então depois o investigador comparou os endereços de IP que foi utilizado para fazer uma compra no iTunes com um que foi utilizado para logar na conta do Facebook associada ao KickassTorrents - eram iguais.

Além da prisão, na Polónia, o tribunal concedeu também a apreensão de uma conta bancária associada à KickassTorrents, bem como vários dos domínios do site.

Fonte: Torrent Freak

19 julho 2016


Hoje 19/07 o WhatsApp vai ser bloqueado em todo o Brasil de novo, é lembram da ultima vez? O Olhar Digital apurou a informação e é verdadeira, confira:



A decisão partiu da juíza de fiscalização da Comarca de Duque de Caxias do Rio de Janeiro, Daniela Barbosa Assunção de Souza. Segundo a secretária da juíza, as intimações foram entregues ontem às autoridadades, e o horário exato do bloqueio dependerá das operadoras. A ordem, no entanto, é que o bloqueio seja imediato.
O motivo, contudo, é o mesmo das vezes anteriores: a recusa do WhatsApp em acatar fornecer informações para investigações. Segundo o WhatsApp, a criptografia do aplicativo impede que a empresa cumpra esse tipo de solicitação. 
É caso queira continuar usando o app mesmo com o bloqueio, basta utilizar um serviço de VPN! Recomendamos o Private Tunnel, o serviço oferece boa segurança - afinal vazar dados de VPN é relativamente fácil. Clique aqui para saber como baixar e utilizar garantindo 2GB.

Atualizado 15h: O pessoal do ITS Rio (associação civil sem fins lucrativos dedicada ao desenvolvimento de pesquisas e projetos sobre o impacto social, jurídico, cultural e político das tecnologias de informação e comunicação) fez uma petição online visando tornar essa prática autoritária algo do passado. A petição já conta com 240 mil assinaturas, clique aqui e assine você também.


*O pessoal da Anonymous Brasil também está agindo, o grupo reivindica a autoria pelo ataque DDOS ao site do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, que se encontra offline (no momento em que escrevo este artigo). http://www.tjrj.jus.br/


A balança da justiça hoje equilibra-se com o crime de um lado e o dinheiro do outro. Eis que aqui repetimos o gesto de V, na destruição de um símbolo que há tempos desvirtuou-se. Quem sabe, um dia, a justiça e a liberdade, irmãs siamesas, condenadas a viver separadas, voltarão a juntar-se bem de perto, costas com costas.
No lugar de pólvora, bits.
Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro Off em protesto ao bloqueio do WhatsApp
Atualizado 17hO presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Ricardo Lewandowski, decidiu na tarde desta terça-feira (19) derrubar a decisão do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro que manteve o aplicativo bloqueado desde as 14h.

Na decisão, de caráter liminar (provisório), Lewandowski analisou ação impetrada pelo PPS (Partido Popular Socialista), que recorreu ao Supremo para que fosse suspensa imediatamente a ordem judicial da 2ª Vara Criminal da Comarca de Duque de Caxias, do Rio de Janeiro.
Fonte: Olhar Digital / G1

14 julho 2016


Neste artigo vou "traduzir" um tutorial em inglês sobre como rodar o jogo Pokemon GO no computador usando um emulador do sistema Android. 



*Não nos responsabilizamos por eventuais banimentos a sua conta no jogo!

Primeiro baixe e instale o BlueStacks.

Download: http://www.bluestacks.com/ [se falhar na hora de capturar um pokemon, tente usar uma versão mais antiga do BlueStacks, clique aqui para baixar uma versão antiga.]


Depois de baixar, instalar e configurar uma conta Google. Acesse o site https://kingroot.net/ pelo navegador do computador mesmo e baixe o apk para fazer root no Android, depois de baixar basta abrir ele com o BlueStacks.. assim ele será instalado automaticamente como mostra aos 2:02 no vídeo.


Quando terminar de fazer o root, clique na engrenagem de configurações no canto superior direito do BlueStacks e selecione "Reiniciar plug-in do Android", como mostra aos 4:10.


Depois que o BlueStacks reiniciar, baixe o app "Fake GPS Location Spoofer": https://globalapk.co/apk/0/60471-fake-gps-location-spoofer-v4-6 mas não instale ainda!


Baixe também, e instale o Lucky Patcher: http://lucky-patcher.en.uptodown.com/android . Instalado, abra o app... na primeira tela que abrir selecione "Allow" e no canto inferior do aplicativo (lá embaixo) clique em "Rebuild & Install", então navegue pelas pastas do Windows (pelo BlueStacks) em busca do app "Fake GPS Location Spoofer" que você baixou anteriormente e clique nele, na tela que abrir selecione "Install as a System App" e clique em "Yes" e "No" em seguida. *Esse processo é demonstrado entre os tempos 4:47 e 6:44 .


Feito isso, clique na engrenagem de configurações no canto superior direito do BlueStacks e selecione "Reiniciar plug-in do Android".



Verifique em suas configurações do Android no BlueStacks se o GPS está definido para alta precisão e se o Google Location Services está desativada. Como visto no tempo 7:31 do vídeo.

Pode ser necessário desativar o serviço de localização do Windows, como demonstra no vídeo no tempo 7:54 ao 8:20. *Caso utilize Windows 7/8 veja este artigo clicando aqui.

Feito isso, abra o Lucky Patcher, clique no "Fake GPS Location" e selecione "Launch App" (pode ser necessário clicar em filtros e selecionar "system app" para aparecer ele..), clique no 3 quadradinhos na vertical no canto superior direito e selecione "Settings" e então marque a caixa "Expert Mode", então volte uma tela e selecione um local no GPS como mostra aos 9:49 do vídeo.


*No momento que escrevo este artigo o jogo não está disponível no Brasil, então recomendo usar uma VPN (clique aqui e saiba mais) e também no GPS coloque os EUA por exemplo. A VPN você pode rodar ela no Windows em vez de instalar alguma VPN (app) para o BlueStacks.


Antes de continuar, será necessário desativar a função que faz o BlueStacks identificar sua câmera (como mostra aos 14:12), então abre o "regedit" e navegue até: HKEY_LOCAL_MACHINE\SOFTWARE\BlueStacks\Guests\Android\Config então dê um duplo clique no canto direito em "Camera" e altere o valor para "0" e "decimal", dê um Ok e feche.


Com uma localização selecionada e a câmera desativada, abra o Pokemon Go como mostra aos 14:51 no vídeo e crie uma conta. Então é só jogar.. para andar no mapa basta alterar sua localização no "Fake GPS Location Spoofer" como mostrado aos 15:34 para frente.


Caso apresente um erro do tipo "Failed to detect location", baixe e instale o app "Developer Options Tool APK for Bluestacks" clicando aqui, depois de instalar abra ele e desative tudo clicando no ícone que desliga no canto superior direito do app.

11 julho 2016

Neste artigo ensinarei a fazer uma Live no Facebook pelo computador em seu perfil, é muito simples!

Primeiro baixe e instale o OBS Studio (Open Broadcaster Software) para a sua plataforma, seja Windows, Mac ou Linux - clique aqui para ir ao site e baixar. A instalação é simples, seguindo o clássico método "avança, avança, instalar".

Depois de baixar e instalar, abra o OBS Studio. Abrindo o programa você pode configurar (como ilustra a imagem abaixo):



  1. Criar cenas
  2. Adicionar webcam, captura de tela...
  3. Controlar os áudios
  4. Configurações gerais
  5. Iniciar uma transmissão
Depois de criar um layout bacana para sua transmissão, por exemplo webcam + tela de algum jogo, você deve clicar em "Configuração" (4), uma nova tela abrirá como ilustra a imagem abaixo:


Então clique em "Saída" (6) e configura uma taxa de bits de vídeo (7) conforme os dados abaixo:
  • 300 Kbps – 700 Kbps: 240p
  • 400 Kbps – 1000 Kbps: 360p
  • 500 Kbps – 2000 Kbps: 480p
  • 1500 Kbps – 4000 Kbps: 720p
  • 3000 Kbps – 6000 Kbps: 1080p

Lembrando que com esses valores não existe garantia que a transmissão se manterá nas qualidades apontadas, pois vai depender da sua velocidade de conexão com a internet (upload).

Em taxa de bits de áudio (8) selecione um valor (quanto maior melhor, dependendo da sua conexão).

Agora abra a aba Stream (9), com ela aberta acesse o site http://live.h-artonline.com/ e clique em "Create Live Stream" - será necessário fazer login no Facebook caso você não tenha feito antes, pode ser que a página esteja em Tailandês. O Facebook então perguntará em que lugar que você deseja que seja compartilhado a live,  deixe marcado "compartilhar em sua própria linha do tempo" caso deseja fazer a live no seu perfil para seus amigos verem, então clique em "Próxima". 

Se nenhuma tela abrir, pode ser que o seu navegador bloqueou a pop-up, então desbloqueie ele como ilustra a imagem abaixo:

Depois é só copiar a "URL do servidor" e a "Chave de streaming" e colar no OBS, na aba Stream (9), selecione "Servidor de Streaming personalizado" (10) e cole a url (11) e chave (12).


Feito isso dê "Ok" e clique em "Iniciar Transmissão" no OBS (5). Volte naquela pop-up do Facebook e confira se sua live vai carregar se ela carregar, só clicar em "Transmitir ao vivo" e checar em seu perfil a transmissão :) 

Preciso mesmo acessar o site h-artonline? Sim, pois a função de live está disponível apenas para alguns usuários de aplicativos para smartphone, só é possível fazer live pelo computador se você possui uma página no Facebook, usando o h-artonline ele "meio que engana o Facebook, forçando a liberar para você a função" de live no perfil. 

04 julho 2016

Lembram daquele vírus que se espalhou pelo Facebook enviando mensagens pelo chat ou mencionando os amigos? Se não, clique aqui e confira.



Pois é, a Kaspersky Lab verificou a ação do vírus entre os dias 24 e 27 de junho e constatou que os mais afetados foram os brasileiros! Não foi atoa que nosso artigo sobre o assunto teve 20 mil compartilhamentos no Facebook e milhares de acessos.

O ataque funcionava assim, você era mencionado e então ao clicar na menção um arquivo (trojan) era baixado, este arquivo ao ser executado instalava uma extensão no navegador Chrome. Assim ele assumia todo o controle do navegador, e sempre que o navegador era aberto, uma página do Facebook era aberta junta para o usuário fazer login (detalhe que a página é legítima).

Quando o usuário fizesse login, a sessão da vítima era sequestrada e o vírus se espalhava mencionando amigos que baixavam o arquivo e infectavam suas máquinas.. criando um ciclo sem fim.

Os países mais afetados foram o Brasil, Polônia, Peru, Colômbia, México, Equador, Grécia, Portugal, Tunísia, Venezuela, Alemanha e, finalmente, Israel.
Vale a pena mencionar que as pessoas que estavam usando computadores com Windows para acessar o Facebook tinham o maior risco de ser infectadas. 

Aqueles que usam celulares com Windows OS poderiam ser infectadas também, embora isso seja menos provável. Já os usuários de dispositivos móveis Android e iOS estão completamente imune, pois o malware utiliza bibliotecas que não são compatíveis com esses sistemas operacionais móveis.

Caso você ainda seja vítima, ou possui um amigo com o mesmo problema.. clique aqui leia nosso artigo sobre o assunto e compartilhe com ele como resolver.


Fonte: securelist.com